Era uma vez um menino de 8 anos que instintivamente atendeu ao telefone de sua casa e sussurrou: "Olá". A voz do outro lado disse: "Sim, bem, sua mãe está em casa?" o menino respondeu: "Sim, mas ela está ocupada", "Seu pai está em casa?" "Sim, mas ele também está ocupado ..." "Bem, há outro adulto em sua casa com quem eu possa conversar?" "Sim, tem um policial e um bombeiro" "Posso falar com um dos dois?" "Não, eles estão ocupados também." "Bem, o que todo mundo está fazendo de tão ocupado?" Houve uma longa pausa e então o menino respondeu: "Eles estão procurando por mim."

Quando somos culpados, instintivamente corremos para nos proteger; Acho que essa resposta está inserida em nossos genes. Esconder-se foi exatamente o que Adão e Eva fizeram quando Deus foi procurá-los depois de comerem o fruto proibido. No entanto, esconder não é a melhor opção para lidar com nossa culpa, já que a culpa não é resolvida quando a escondemos, negamos ou encobrimos.

Da próxima vez que você se sentir culpado, agradeça a Deus por ainda poder sentir. Digo isso porque quando esse sentimento de culpa deixa de existir na alma humana, isso significa que nos tornamos insensíveis, e as pessoas insensíveis se tornam cada vez mais capazes de assumir atitudes e atividades destrutivas para com os outros.

Esse sentimento de culpa é bom porque tem o potencial de nos manter humanos. Por outro lado, a culpa pode nos comer de dentro para fora; assassinando a paz e nossa liberdade de funcionar. Esse tipo de culpa geralmente está associado a algum erro gigantesco ou a uma falha grave que cometemos no passado.

Quando a culpa assume o controle de nossas almas, ela sufoca nossas vidas. Então, quando esse tipo de culpa inunda sua vida, o único antídoto é a graça de Deus.

Como você pode ver, Deus entende nossas falhas e erros. E mesmo quando Deus está triste conosco. Ele está disposto a perdoar todas as nossas faltas e consertar nossos corações partidos. Tudo que você precisa fazer é pedir.

E quando o faz, Deus troca nossa culpa por sua graça. Portanto, da próxima vez que você regar, cometer um erro ou falhar, peça perdão a Deus e eu garanto que Deus estará disposto a perdoá-lo.

Jorge Cota

casa